Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

Business Process Outsourcing - BPO

Terceirização do Financeiro: melhores práticas, custos reduzidos, foco no objetivo da empresa.

Fone: (11) 5071-1276

Definição do Plano de Contas

O Plano de Contas é um elenco de todas as contas previstas pelos contadores como necessárias aos registros contábeis.

A Vetor Financeiro entende que o Plano de Contas deve possibilitar a obediência às disposições contidas na legislação e a fluidez das informações entre os diversos departamentos que movimentam valores em uma empresa (leigos em contabilidade ou não).

Assim, entende que para servir de instrumento de gestão eficiente, o Plano de Contas deve ser fixado especificamente para a empresa, a partir da definição do Sistema de Custeio e do Planejamento Orçamentário, com contas que possam ser utilizadas no dia-a-dia dos setores financeiros.

As contas contábeis devem oferecer informações relevantes aos gestores de uma empresa, para a tomada de decisão.

A partir das expectativas dos agentes definidores da estratégia da organização, a Vetor Financeiro promove a consolidação e organização dos objetivos gerais e específicos da empresa, bem como dos métodos de ação adequados para seu alcance.

A Vetor Financeiro empreende o planejamento detalhado para a implantação das estratégias, políticas e projetos da organização.

Em conjunto com os gestores, a Vetor Financeiro promove a definição dos planos formais de resultados esperados em cada área de responsabilidade, sugerindo e validando os instrumentos de medição da evolução proposta.

 

Os benefícios para a empresa são os seguintes:

  • Definir e divulgar as políticas básicas da empresa para todos os colaboradores;
  • Contribuir para a adequação da estrutura administrativa;
  • Obter a participação de todos os membros da organização no processo de estabelecimento de objetivos e preparação de planos;
  • Harmonizar os planos de todos os departamentos da empresa;
  • Quantificar o que é necessário para um desempenho satisfatório das operações da organização;
  • Planejar do uso mais adequado de mão-de-obra, matéria-prima, instalações e capital;
  • Instalar em todos os níveis administrativos o hábito de análise oportuna, cuidadosa e adequada de todos os fatores relevantes antes de serem tomadas decisões importantes;
  • Reduzir custos ao aumentar a amplitude do controle;
  • Estabelecer políticas predeterminadas e relações de autoridade bem definidas;
  • Destacar as áreas de eficiência ou ineficiência;
  • Promover a compreensão mútua de problemas entre os membros da administração;
  • Forçar a administração a dedicar parte de seu tempo e atenção aos efeitos das tendências esperadas das condições econômicas gerais;
  • Forçar uma auto-análise periódica da empresa;
  • Ajudar no processo de obtenção de crédito bancário;
  • Permitir a verificação de progresso em relação aos objetivos da empresa.

 

Chame-nos para uma conversa sem compromisso que teremos grande satisfação em mostrar como tudo acontece.

Desenvolvido por Produção: TN - Tecnologia para seus Negócios